quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Quem dera...



Quem dera um dia
A gente pudesse
Fluir na magia e transcender
Voar bem alto
Para tentar entender
O que aqui embaixo
Ainda não se consegue compreender.

Quem dera a gente tivesse o poder
De ver muito mais além
Sincronizar na mente
O que o coração sente.

Quem dera pudéssemos conectar
Tocar nas mãos
O que nos faz.

É um vento que toca
É um sentir que provoca
É algo que sopra
Abrindo a porta
Deixando vir à tona
Tudo outra vez.

A gente por hora não sabe
Nem porque
Ou para que
Apenas vibra quase sem querer.

Quem dera tudo fosse revelado
Quem dera as peças se encaixassem
E a gente pudesse finalmente ver
O que ainda nem percebe
Mas sente como ninguém
Algo que aquece, um querer bem.


Tânia Gorodniuk

www.tginspira.com.br


Nenhum comentário:

Amor sempre...

Para viver só é preciso sentir Deixar o coração falar E a mente fluir. O segredo é amar sem medo Sentir sem freio Iluminar por onde passar...