domingo, 19 de fevereiro de 2017

Hora de voar outra vez...



Liberdade é voar sem medo
É soltar as asas e seguir o som do coração
No brilho do olhar
Na luz do sorriso.

Às vezes prendemos no corpo o gosto de ser feliz
Aprisionamos o sonho
Sufocamos nossa vontade
Recolhemos as asas
E criamos raízes
Estas que nos impedem de voar.

Hora de transformar
Sair do casulo
Descobrir o mundo
Sentir no rosto o toque do vento
No olhar o gosto de um sentimento
Mágico que nos faz ser
Na essência plena,
Doce e serena nas ondas do sentir.

Liberte o que te faz
Voe enquanto a emoção vibra
Viva enquanto o coração pulsa feliz.

Hora de voar outra vez...


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

A arte de amar...

A arte de amar Requer desejo Vontade De estar presente Se sentir latente O mundo tocar dois corações em um só olhar. Amar requer ...