sexta-feira, 11 de agosto de 2017

No brilho das estrelas...



Quando o sentir flui, voa
Quando o querer aflora
O olhar se perde
Enquanto muito além
Tudo se encontra.

De nada adianta querer entender
Enquanto por dentro tudo acontece
Um sentir que permeia
Incendeia
Até que haja no encontro entre estrelas
A liberação do amor maior.

Enquanto é dia o Sol ilumina
Quando a noite chega
É no brilho das estrelas
Que o amor se faz
Eterniza e cria vida muito mais além...


Tânia Gorodniuk







Nenhum comentário:

Quando as mãos se unem...

A união das mãos Inicia o contato Com a nossa energia interior Assim começamos a conversar Expor nossos anseios Nossos medos Tent...