sexta-feira, 28 de julho de 2017

Um sonho, uma visão, uma viagem ou apenas um sentir?



Há um sentir que flui
Vive
Permeia
Toca e me faz
A cada dia um pouco mais.

Enquanto é dia
Ele adormece
De vez em quando aparece
Fazendo o coração suspirar.

Já quando a noite chega
O corpo relaxa
A mente divaga
A alma resolve abrir a porta
Onde tudo toca.

Não adianta
Querer entender
Quando há presente
Algo diferente
Que o coração sente.

Como é possível sentir sem ter,
Tocar um querer,
Vibrar de prazer?

Mais um delicioso aprendizado
Pouco importa o que na matéria existe
Quando além do olhar
No toque da alma
Tudo vibra
Tudo se transforma
Tudo cria vida.

Mais uma viagem inesperada
Mais uma vez a magia se fez
Num toque apenas
O que vive foi tocado
Um sentir que aflorou
Além do corpo
Além da alma
Num suave sopro de luz.

Hoje o amanhecer foi diferente
Foi muito mais além de um despertar
Foi sentir nas mãos o coração pulsar,
Vibrar, sorrir e amar.

O que mais posso querer?

Nada mais além de agradecer.


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

Um dia o que vive dentro aflora em pleno sentimento...

Pouco importa o que o corpo toca Quando na alma transcende O que por dentro nos faz. Sinto o que ainda não chegou Mas em outra dimen...