sábado, 10 de junho de 2017

Seja a diferença no mundo!


 
O que sou, para onde vou, o que faço?

São perguntas que a gente se faz a cada instante em que o chão se abre para mostrar que a vida está no piloto automático.

As pessoas não tem respostas concretas, mas sim dúbias em sua interpretação, "depende do contexto", uma frase bonita para o momento.

Ficar em cima do muro não é mais uma opção, mas sim uma estratégia.

Se recuse a ser um papel em branco, queira palavras, vírgulas, pontos de exclamação e interrogação, seja as onomatopéias.

Deseje a poesia, a magia da escrita, a beleza da fala e a força do pensamento.

Respiramos sentimentos e transmitimos emoção, como poderemos passar pela vida como um simples ponto no espaço? Queira sim ser um senhor ponto final no decorrer de sua vida,  seja algo marcante que veio para uma missão, com um objetivo.

Que a verdade e a honestidade deixem de ser apenas coadjuvantes, mas façam parte principal na vida de quem está disposto a viver com dignidade e paz.

Há momentos que somos professores e em outros alunos de uma nova lição.

Nada é para sempre, nada é certo, só é preciso refletir e sorrir.


Tânia Gorodniuk


Nenhum comentário:

Um propósito e a magia do significado coletivo.

Para viver melhor, com qualidade, nada melhor que ter um propósito, dar um significado à vida iluminando outros corações. Se a gente u...