domingo, 4 de junho de 2017

O meu amor te desenhou...



Olhar para trás e perceber
Tudo o que aconteceu...

Você foi
O que eu desenhei
Aos poucos
Eu te construí
Com o meu amor
Nele eu te dei forma
Traços
Sentidos
Sentimentos
Motivos
Uma razão para ser.

Qual não foi a surpresa
Quando hoje entendi
Que tudo o que escrevi
Desenhei e tracei
Era apenas o reflexo do meu amor.

O meu amor
Desenhou tua alma
Redefiniu teu corpo
Deu forma ao teu rosto
E inseriu o que eu sentia
Dentro de você.

Hoje tudo o que via fez "puff"
Ficando apenas o que sempre foi real
O meu amor.


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

Me apaixonei quando voei...

Me apaixonei quando libertei minhas asas e voei... A vida é puro vento Sentimento que sopra Emoção que abre a porta e nos faz. Pai...