quarta-feira, 21 de junho de 2017

Eu não estou desempregado!


Neste últimos meses de mentoria, análise do comportamento e uso das redes sociais, tento percebido o descontentamento de alguns profissionais. Por esta razão resolvi escrever este artigo com um título bem diferente:

"Eu não estou desempregado, estou aprimorando meus conhecimentos."

Por falta de informação e despreparo alguns profissionais não sabem se portar perante um candidato e por sua vez, o candidado fragilizado agrega em si toda a carga negativa emitida na entrevista.

Ponto 1.

Aprenda que você não está desempregado, está apenas sem exercer a sua competência para uma empresa, porém está aprimorando seus conhecimentos.

Está adequando uma realidade momentânea a sua vida, descobrindo novos caminhos, outros olhares, diferentes competências.

Ponto 2.

Pare de reclamar, pontuar o que o outro fez ou deixou de fazer, se soube captar suas habilidades. Ok, se ele não viu, está na hora de enaltecê-las ainda mais para quem precisa ver, perceber e jamais duvidar delas, VOCÊ!

Ponto 3.

Utilize seu tempo para descobrir novas oportunidades na sua área. Mande currículos, faça entrevistas, reserve seu tempo maior para analisar o mercado, criar e inovar com algo só seu. VOCÊ PODE!

Sinceramente eu acredito que TODOS temos um super potencial, só que deixamos que os outros ditem a forma de como fazer, como ser e como agir.

Você estudou, fez acontecer, chegou até aqui e agora vai abandonar o navio só porque alguém questionou o seu potencial?

Nana nina NÃO!

O que poucos revelam é que o mundo carece de mentes brilhantes, aquelas que enxergam o céu além das nuvens. Não se prenda ao que vê, se atenha ao que sente. Analise mais, reflita conteúdos e não apens informações flutuantes, os famosos boatos.

Há uma grande indústria que fomenta o mundo, "a instabilidade", ela gera lucros por fazer com que as pessoas acreditem que não há esperança. São nuvens cinzentas que ofuscam mentes comuns, porque as brilhantes nem exergam estas nuvens, elas veem além.

Quer ser grande? Suba a montanha e veja lá do alto as oportunidades, pare de ficar no chão olhando para cima, suba e conquiste.

Sair da zona do conforto é um parto que todos passamos várias vezes, é uma dor que abre novos horizontes, que mostra a cada olhar que a vida é infinita em suas oportunidades de crescimento.

Utilize seu momento para abrir portas e descobrir janelas, às vezes é uma questão de foco. Alinhe o seu e encontre o que te faz e siga.

Para conquistar o que se deseja é preciso às vezes ser surdo e em outras mudo para que ninguém te tire do caminho, aquele que você sonhou percorrer.

A sua felicidade depende única e exclusivamente de você, não coloque a sua vida em mãos alheias, é VOCÊ quem decide para onde quer ir e como deseja seguir.

FAÇA o que deseja, talvez seja isto que falta para o mundo perceber a sua luz. Acredite VOCÊ PODE!


Tânia Gorodniuk



Nenhum comentário:

Felicidade é um sorriso!

Lá fui eu viajar nas ondas do sentir... Há vinte anos atrás Morei em Moema Logo depois que casei O Bruno, meu primeiro filho, prati...