quarta-feira, 17 de maio de 2017

Transforme, crie o que vê no que sente!




Somos cuidadores do nosso templo, o corpo
Moradia de nossa essência, a alma
Cabe à nós selecionar tudo que chega
Transformar o que entra e aconchega.

Transforme
O que ouve
O que vê
No que acredita e sente
SEMPRE!

A vida é agora
A maneira de vivê-la cabe à você escolher.


Tânia Gorodniuk



Nenhum comentário:

Uma carta ao tempo...

Será que vale a pena? Será que alguém entende? Será? Será que as palavras ainda são capazes de levar o que se sente? Será que os ...