sexta-feira, 26 de maio de 2017

Eu sonhei, eu senti, eu amei, eu vivi enquanto voei...




Quando a última janela se fechar
Estiver de malas prontas para a viagem
Quero pela última vez folhear as páginas da minha história
E nela sentir novamente em cada palavra
A vida em mim vibrar.

De que vale o percurso
Se não houver o barulho dos sentidos
Se o corpo não sentir em cada passo
O ar
O vento
O tempo
A chuva
O Sol
A Lua
O amor...

A vida vale pelos suspiros
Sorrisos
Batalhas
Vitórias
Fracassos
Cada pedaço é importante
Para uma alma diamante.

Viemos em corpo para sacudir
Interagir
Aprender
Ser
Viver
Nascer - Morrer
E neste intervalo virar do avesso
Começar e recomeçar
Rabiscar
Apagar
Desenhar
E neste vai e vem escrever a nossa história
Com a nossa individual trajetória.

Que possa dizer:
"Sonhei
Senti
Fiz
Amei
Vivi
E gravei o mundo em mim."

Aproveite o tempo valioso que tem hoje
E não perca a chance
De respirar de peito aberto
De correr sem rumo certo
De amar sem motivo
De viver sem sentido
Mas VIVA
De corpo, alma e coração!


Tânia Gorodniuk





Nenhum comentário:

Um sentir, um fluir, um querer ter o que por dentro vibra...

Eu sei que você sabe Eu sei que você sente Quando os pensamentos conectam O que há no coração Quando nossas almas vibram Na mesma di...