quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Como conquistar a Maturidade Empresarial?


Como conquistar a Maturidade Empresarial? Como programar e definir as bases que a regem?

Maturidade é um espaço de tempo em que se agrega novos conhecimentos nas mais diversas áreas que cercam os seres humanos em toda a sua vivência. Maturidade é fruto de toda a experiência vivenciada por cada um à sua maneira de ser e viver.

Partindo deste princípio, podemos dizer que maturidade empresarial nada mais é do que, a experiência vivida ao longo da idealização, contrução, realização e manutenção de uma empresa.

Maturidade Empresarial
É visualizar o todo antes que tudo aconteça
É enumerar antecipadamente as dificuldades e já calcular as possíveis soluções.
É envidenciar o ser humano como prioridade, é ele que fará toda a ação se realizar.

Para um bom desenvolvimento desta maturidade
As empresas devem seguir o mesmo curso da tecnologia
Para que ambas caminhem na mesma direção.

Inovação
Criatividade
Gestão aprimorada
O hoje não é mais o mesmo que ontem e com certeza será diferente do amanhã.

A vida é um movimento transformador contínuo, não pára!

É preciso adaptar-se cada vez que o mundo adquire uma nova visão, uma nova tendência, necessita de algo diferente que adeque à sua vida mais comodidade.

O mundo deseja ser feliz, estar tranquilo, ter acesso rápido à tudo,

Todos nós desejamos ser mimados a cada instante com pequenas e sutis diferenças que nos fazem sorrir.

Maturidade é não ter medo de decidir
É enumerar os prós e contras
É acatar o que fará bem ao maior número de pessoas.

Muitas vezes esta decisão incomoda por compreendermos que não podemos abraçar o mundo,
Mas podemos sim minimizar os efeitos de todas as decisões.

A dica de ouro é quando tiver de fazer, faça.
Reflita, pontue, enumere, avalie.

Lembre-se todos estamos num grande aprendizado, às vezes recolhendo frutos e em outros instantes semeando tudo outra vez.


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

Mudar, nem sempre é sinônimo de prazer.

A mudança nem sempre é prazerosa. A gente tem medo de mudar Até que um dia Depois de um tempo A gente muda sem pensar Num silencioso m...