terça-feira, 12 de julho de 2016

A gente ama deixar fluir...


 A gente ama o que tocou
O que por um instante vibrou e pousou em nós.

A gente ama o que toca e provoca o melhor em nós.

A gente ama o que permeia e acende
O que vibra e transcende
O que nos faz ser em todas as direções.

A gente ama
Quando todos os sentidos estão em festa
Quando o coração suspira
Quando o olhar se perde além do horizonte
E se encontra num único sentir.

A gente ama deixar fluir
O que nos faz sorrir.


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

Mudar, nem sempre é sinônimo de prazer.

A mudança nem sempre é prazerosa. A gente tem medo de mudar Até que um dia Depois de um tempo A gente muda sem pensar Num silencioso m...