sexta-feira, 6 de maio de 2016

Um amor sem começo, sem meio, sem fim...




Um amor transcende
Quando a gente entende que é para sempre.

Algo que toca e provoca
Onde estiver
Que passa através dos tempos
Beija a qualquer momento
E nos faz.

Um amor assim
Não tem fim
Quando eterniza por dentro a vida.

Quando permeia
Incendeia
E a cada toque semeia mais amor no ar.

Amor que é amor
Não vem pra ficar
Mas sim fazer história
Gravar na memória o que nos fez
Por alguns instantes um ser vibrante.

Um amor sem começo,
Sem meio,
Sem fim...


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

A arte de amar...

A arte de amar Requer desejo Vontade De estar presente Se sentir latente O mundo tocar dois corações em um só olhar. Amar requer ...