quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Toca-me...



Toca-me a cada amanhecer...

Como é gostoso sentir
Se entregar sem medo
Ao que vive por dentro.

A alma toca
No corpo provoca
O pulsar dos sentidos
Um a um exala, enaltece e nos faz.

Que o vento traga
O que na alma vibra
O que no corpo permeia
Trazendo um colorido à vida.

Se entregue quando algo tocar
Ame sem querer
Ame sem razão
Ame só para sentir
A doce emoção que é amar
Que é mergulhar nas ondas do amor.

Inspire-me a cada sopro
Toca-me a cada olhar
Permeie-me
Iluminando a mente
Nas ondas dos sentidos
Florescendo no poder da criação
Na magia que inunda
Unindo alma e corpo,
Mente e coração.

Toca-me a cada amanhecer
Me faça viver nas asas da emoção.


Tânia Gorodniuk

www.tginspira.com.br



Nenhum comentário:

Livro da vida

Um dia você vai abrir o livro da vida Com certeza não acreditará no que passou Como chegou Como caminhou mesmo sem ver Mesmo sem t...