sábado, 30 de abril de 2016

Como desenhar-se na hora que o mundo pergunta quem é você?



Quem é você?

A todo instante temos que provar
Quem somos
O que fazemos
Qual a nossa diferença.

Somos tanto em um só corpo
Somos ser humano
Somos gente
Somos profissional
Somos o que vida solicita a cada dia.

Somos pai/mãe
Somos filho
Somos chefe
Somos líder
Somos um pouco de tudo
Mas o mundo só vê uma parte
Aquela que a maioria evidencia.

Somos na verdade todos num só
Somos um pouco cuidadores
Somos um pouco professores
Somos um pouco aprendizes
Somos um pouco observadores
Somos
E enquanto somos nem damos conta do quanto
Uma vez que somos sempre todos os dias um pouco de cada um.

Como desenhar-se num simples desenho o todo que está em constante crescimento?

A melhor forma é o exemplo, são as ações, o modo que interage com o mundo, a maneira como trata as pessoas, a forma como cuida de tudo o que a vida traz.

Quem é você?

Sou o que penso, o que falo, o que faço
Muita coisa se encontra no palco
Mas as melhores estão nos bastidores do espetáculo.

Quando quiser saber quem é quem
Olhe por trás das cortinas
Lá está o verdadeiro segredo da arte,
Do simples desenho que a gente vê.



Tânia Gorodniuk




terça-feira, 26 de abril de 2016

Além do horizonte


Além do horizonte
Está o desconhecido
Há muito para ainda descobrir.

Além do horizonte
Se esconde o que não vejo
Mas sinto o que há além.

Além do horizonte
Se encontra o que a vida espera
Que a gente busque a cada amanhecer.

Além do horizonte
Está o que a alma já sabe
O coração sente
E o corpo almeja desvendar.

Além do horizonte
Há um lugar
Onde tudo acontece
É só se entregar no olhar,
Sentir e voar.

Além do horizonte
Há muito mais para buscar.


Tânia Gorodniuk





domingo, 24 de abril de 2016

A rosa e o espinho


A vida é feita de escolhas
Caminhos que se apresentam
Diversas opções para nossa trajetória.

Para chegar ao topo
É preciso aprender através dos obstáculos
A ser um pouco mais.

Como chegar até a rosa e passar pelos espinhos?

Com amor sempre
Só o amor é capaz de iluminar as ideias
De transcender a matéria
E nos guiar rumo ao ainda desconhecido.

Muitos preferem encurtar o caminho
Pular etapas
Porém além de chegar mais rápido
Perdem o grande aprendizado
Que está escondido entre os espinhos.

O ser humano só dá valor quando conquista
Quando galga passo a passo rumo ao seu objetivo.

Para chegar até a flor
É preciso sentir o seu valor
Saber o quanto teve de suportar
Enquanto crescia ao vento
Sem balançar.

Para ser forte é preciso crescer na tempestade
É preciso viver a realidade na pele
Sentir no corpo o esforço
Para ganhar na alma a plenitude.

A rosa e o espinho fazem parte do caminho
Fazem de nós puro aprendizado.

Nada é para sempre
Nem fruto e nem semente
Nem dor e nem amor
Mas tudo é para a nossa evolução.

Independente da estação
Leve na bagagem sempre amor
Ele te dará coragem por onde for.


Tânia Gorodniuk






quinta-feira, 21 de abril de 2016

Seja a sua própria inspiração.


A cada passo a gente escreve quase sem querer nas ondas da emoção.

A nossa mente pensa a cada segundo, guardando tudo o que sentimos.

Se estamos caminhando pensamos o que vamos fazer
Olhamos à nossa volta
Lembramos de algo
Uma música vem a cabeça
Um cheiro
Uma memória é ativada.

A cada passo a gente escreve algumas linhas de nossa história.

Você já reparou que esta escrita é através dos sentidos?

É um som
Uma imagem
Um aroma
Um gosto
Um toque...

Guarde só o melhor
Faça deste livro um "Best Seller"
Afinal, ele é seu
É sobre você
São detalhes minuciosos de toda uma vida
Repleta de alegrias e muito amor.

Escreva a cada passo algo que vale a pena ler de novo.

Seja a sua própria inspiração.


Tânia Gorodniuk








quarta-feira, 20 de abril de 2016

Será que em desenho a "coisa pega"?

Imagem by Joaquín Salvador Lavado


Como educadora comportamental ainda me surpreendo ao deparar com textos repletos de palavrões, ofensas diretas, tanta raiva contida em poucas linhas.

Quando será que a "ficha vai cair"?

Será que em desenho a "coisa pega"?

Vamos na gíria para ver se assim a linguagem conecta.

Enquanto a cultura não mudar, NADA mudará.

Enquanto a educação não foi prioridade maior NADA acontece.

É gente gritando nos estabelecimentos, é gente gritando em palavras ofensivas na internet, seja qual mídia for, isto NÃO é para acontecer, NUNCA!

Vamos lá by Teletubbies "DE NOVO":

Tudo o que você posta, fala, pensa e age não diz apenas sobre o fato, diz MUITO mais sobre você. Entendeu?

Estar indignado, ok tudo bem. FAÇA ALGO! MEXA-SE!

Vá atrás reclame com a pessoa, nos órgãos competentes.

De que adianta gritar na internet quando na vida prática nada se faz?

Um exemplo básico: todo mundo algum dia comprou algo com a validade vencida, estragado, com problemas, quantos foram atrás, reclamaram até receber um outro novo?

Dá trabalho, ligar, mandar e-mail, esperar a troca, mas isto sim é o começo do exercício da cidadania.

Aplausos para aqueles que protestaram e fizeram valer a sua voz. Agora é preciso continuar, lembrar nas eleições quem faz e quem não faz.

Quantos aqui olham a vida do candidato antes de votar, o que ele já fez? O que ele fará é outra história.

Vejo posts no Linkedin sem pé nem cabeça, assuntos que não agregam nada, mas todo mundo comentando.

Quando a cultura do país vai mudar?

Quando a mentalidade, desculpe as palavras, mas não há outras, "bunda/peito/morte/sangue/ atentados/vida alheia vai parar de dar ibope?

Quem sabe quando a gente parar de falar, compartilhar, evidenciar.

Por este motivo falo tanto de amor, é ele o maior transformador, mas não dá ibope, não é?

Lamentável!

Como educadora tem horas que canso de falar ao vento, de mostrar o como, de perder meu tempo com quem não deseja escutar, aprender e ser.

Desculpem, mas não é o país que precisa mudar, é cada mente que precisa se abrir.

Como na tirinha da Mafalda é preciso sair do material, este o vento leva, mas o que a mente agrega é para sempre seu.



Tânia Gorodniuk

terça-feira, 19 de abril de 2016

Voar é sentir e ir sem pressa de chegar ou partir.



Na vida há voos rasos
Voos altos
Pousos momentâneos
Necessários apenas para uma pausa.

A cada voo
A gente sente a alma voar
O corpo se prende à terra
Enquanto o coração almeja viver
Uma doce ventura a cada amanhecer.

Enquanto algo te empurra para o voo
Algo te puxa para o chão
Nesta luta gravitacional
A gente descobre
Que é preciso ser leve
Desapegar
Tirar o peso excessivo
Manter apenas o sorriso no rosto
E o olhar focado no horizonte.

Voar é sentir e ir
Sem pressa de chegar ou partir
Usufruindo de cada imagem
Cada olhar.


Tânia Gorodniuk




segunda-feira, 18 de abril de 2016

I LOVE YOU!


Foto by Tiago Silva


Dizem que a vida ecoa
O que a gente sente
Então vamos lá:

EU TE AMO!

Amo me perder no horizonte
Me encontrar num sorriso
Beijar a alma
A cada olhar.

Se é pra a viver
Que seja com tudo!

Amo além de mim...




Tânia Gorodniuk


Vida, bom dia!




Vida te recebo de braços abertos
Traga o que o coração deseja
Sopre em mim a magia
Deixe em meu rosto o sorriso solto
E no olhar perdido no horizonte
Que eu encontre um algo a mais.




Tânia Gorodniuk

domingo, 17 de abril de 2016

Surpresas da vida escondidas em fatos corriqueiros.




A gente reclama por tudo
Reclama do calor
Reclama da chuva
Reclama do vento
Reclama do relógio
Reclama da vida por si só.

Se pararmos para pensar
Tudo acontece por uma razão.

A gente se atrasa para ver algo
Em algum lugar
Ou apenas para se privar
De algo passar.

Não reclame
Agradeça
São inúmeras histórias que conhecemos
De pessoas que se conheceram ao acaso
De gente que perdeu um voo e viveu.

Hora de pensar a cada passo
De agradecer a cada olhar
O que a gente ainda não vê
Mas acontece diariamente
Em tempo presente.

Agradeça pelo aprendizado
Pela chance de vivenciar mais uma lição
De sentir a teoria vibrando na prática.


Tânia Gorodniuk




quarta-feira, 13 de abril de 2016

PARE!


Vou fazer algo diferente
Esta não é uma postagem normal
PARE!

Por apenas 5 minutos vem comigo.

Você que anda estressado
Esta à procura de novas oportunidades
Tem batalhado incansavelmente
As contas chegando...

PARE!

Ligue o som
Mexa-se
Dance
Coloque para fora o que vibra por dentro
Magia
Alegria
Vida.

Vamos, estou esperando.

Tudo bem se estiver em lugar público se divirta
Mexa só os dedos, os olhos, a boca
SORRIA!

Fala sério é muito divertida a vida :)

Esqueça por alguns minutos e liberte-se.

Precisamos dar um tempo para o Universo agir
A ansiedade trava e impede o que está para chegar.

Faça a sua parte
Envie currículos
Avise seus contatos da sua disponibilidade
PRONTO, chega, vá fazer outra coisa.

Pouco adianta ficar de 5 em 5 minutos olhando os recados.

O que tiver de chegar, virá acredite.

Estou falando porque já comprovei e é assim.

Faça o que for prioridade no dia, o resto espera.

Dance
Dance
Dance
A alegria gera felicidade
E esta energia transforma tudo
Gira o mundo e faz acontecer.

Boas vibrações, quando tiver novidades me avise, vou adorar saber.

Amor e luz em seu caminho.

Lembre-se: VOCÊ NUNCA ESTÁ SOZINHO.



Tânia Gorodniuk



Sou e sempre serei o sentir que habita em mim, amor.

Fotos by Christine Louise Sitton, Tiago Silva, Illan Suarez e Reginaldo Martins.


Sou e sempre serei o sentir que habita em mim
Muitos perguntam se tenho um amor
Tenho, um amor interno que permeia
Aquece, incendeia a cada toque
Ainda sem forma
Tem apenas a magia que de longe irradia
É ele que me faz a cada dia mais
É este amor que não me deixa fraquejar
É este amor que me dá coragem de continuar.

Um dia quem sabe
A vida me presenteia
E numa curva qualquer
Me deixe tocar nas mãos
O que vive e vibra no coração.

A alma já tocou
E sabe onde está
Cabe ao corpo esperar ele chegar.

Amo e sempre amarei
A frase que me define: "AMOR DEMAIS".



Tânia Gorodniuk


Um lugar secreto onde todos se encontram a cada anoitecer, quando as almas voam para buscar o que nos faz...


Há um lugar
Onde tudo acontece
A cada anoitecer.

Entrego o corpo ao repouso
E liberto a alma para voar
Buscar o que a faz.

Num voo sereno
Ela chega em seu ninho
Se aconchega na natureza
Até que num sopro sente presente o seu par.

Que alegria sentir
Que magia tocar
Mesmo em sonho
Um amor além
Um amor que vibra entre os tempos
Um amor que pulsa
Emana energia
Irradia luz
Recarrega na alma o corpo
E transcende através dos sentidos o coração.

A gente pensa que o amor é apenas matéria
Mas quando descobre o amor maior
Se entrega ao doce prazer.

Um sentir que não cabe em um só corpo
Então voa livre entre almas
Dissipando no ar muito mais amor.

O corpo apenas proteje nossa fonte de luz
O coração armazena tudo o que no corpo vibra
E a alma grava o que nela eterniza
Vida, amor e luz.

Hora de deixar o Sol beijar a Lua
A terra tocar o céu
Enquanto a vida continua
O amor se faz em outro lugar...




Tânia Gorodniuk



A descoberta sempre surpreende...



A gente sempre imagina que descobrir é viajar para um lugar desconhecido
É visitar um lugar diferente
É abrir uma porta e pronto.

A descoberta chega da procura
Da busca de conhecimento
Primeiro de si mesmo
O famoso "olhar para dentro"
Depois do mundo lá fora.

O que muda e transforma
Não é do lado de fora
Mas o que acontece por dentro.

Cada vez que lemos sobre um assunto
Ou conversamos com alguém
Automaticamente a nossa mente processa
Quando chega a noite, hora de descansar
O cérebro começa a debulhar tudo o que a gente viveu.

Mesmo sem querer a gente reflete sobre tudo
O que vemos
O que ouvimos
O que falamos...

Sempre estamos captando informações
Agregando valores, princípios, condutas e conhecimentos.

A descoberta acontece quando por um instante
A gente junta as peças e grita: EUREKA!

Depois de tanto estudo
A gente muda, principalmente o OLHAR
É ele que coordena
Guia
Interage
Amplia
Foca no que é preciso
E nos conduz.

Que possamos a cada dia ter um novo olhar
Aquele que amplia o horizonte
Vê além dos fatos
Sente além das coisas
O que está por vir.

A descoberta sempre surpreende!


Tânia Gorodniuk




segunda-feira, 4 de abril de 2016

Quebrando paradigmas...

O mundo muda a cada segundo
E o homem insiste em padrões antigos
Modelos ultrapassados
Coisas que já não mais fazem a diferença.

Hora de inovar
Para ajudar a vida traz um novo grupo de pessoas
Seres que já nascem diferentes
Mais atentos
Mais perceptivos
Mais ativos
Para impulsionar a transformação.

Hora de desapegar do passado
Quebrar paradigmas
Procurar conhecer
Estudar sobre o assunto
Se interar do que hoje acontece no mundo.

Não estou falando de fatos
Mas o que não é notícia
O que acontece por trás dos bastidores
No aconchego do lar
No ambiente de trabalho
As pessoas estão mudando
E rápido
Quem não acompanhar perde uma parte.

Hora de ser mais atento
De observar o movimento
De uma ação contínua
Silenciosa
Que caminha mudando tudo de lugar.

Li uma frase que resume bem este processo:

"A própria Terra irá se elevar ao céu."

Algumas mudanças evidentes:

O ser humano está mais consciente da sua missão
Do que ingere para manter o corpo
Há uma busca da espiritualidade
Estamos mais solidários
Há um amor que vem crescendo a cada dia.

Quando não houver mais diferenças
Quando o amor for apenas um
Quando a união for ordem máxima
Não haverá mais divisões
Tudo será universal e único.

Hora de observar, aprender, assimilar e ser.

Que a vida seja repleta de amor e luz hoje e sempre.


Tânia Gorodniuk





sexta-feira, 1 de abril de 2016

Devaneios de uma noite de outono



Será que estamos preparados para abrir mão do que possuímos enraizado na mente, abrindo assim espaço para o novo?

Será que conseguiremos finalmente retirar as amarras da alma e se libertar?

Quando será que a mente poderá se expandir ampliando a visão do todo, uma vez que durante anos ficamos apenas com o olhar focado em um único ponto?

Muitos anseiam pela transformação geral, por um contexto amplo, enquanto o que urge é o olhar mais atento por dentro.

É hora de aparar as arestas, jogar fora o que não mais floresce, semear apenas a luz que conduz na direção certa.

Tem dias que o coração se entristece, a mente cansada emudece, somente a alma ilumina, dá volta por cima e a cada amanhecer diz: vamos ser feliz!


Tânia Gorodniuk




Amor de avós, Feliz Dia dos Avós!

Amor de avó Amor de avô Que gostoso que é Dizem que são pais duas vezes. Avós brincam... Coisas de avó: Crochê Tricô Bordad...