domingo, 13 de julho de 2014

Amor de almas



Amor de almas
Não tem corpo
Não tem rosto
Quando o amor é apenas luz
Luz que toca
Luz que abraça
Luz que beija
Permeia
Vibra
Flui...

Eu senti
Eu sinto
Este amor
Que ultrapassa os tempos
Toca o presente
Vem do passado
Mostra o futuro
E faz o meu coração sorrir.

Confesso não ter ainda entendimento
Para compreender este sentir
Somente o toque
Vale o sorriso
Vale o olhar
Vale amar.


E eu que pensei que amar fosse
Entre dois corpos
Pura matéria
Quando a vida veio e trouxe
Um amor de almas
Algo que flui
Passeia entre os tempos
Conectando um só sentir.


Tânia Gorodniuk




Nenhum comentário:

Muito se fala e pouco se faz...

Em silêncio observo o que as pessoas postam, falam, interagem e se expressam. Hoje muito se fala e pouco se faz. Falta estender uma ...