domingo, 1 de junho de 2014

Quem beija a alma não esquece...



Eu não pedi pra sentir
Eu senti sem querer
Eu amei sem saber o que
Eu toquei outra alma
Em algum lugar
Eu senti o amor em outra dimensão.

Eu vibrei
Quando toquei o céu
Sem sair do lugar
Eu voei em meu olhar.

Muitos não entenderão
A canção que amor tocou
A emoção que o corpo experimentou
Quando no ar
O amor se fez.

Coisas de um coração
História de uma alma
Solitária canção
Nos acordes dos sentidos
Nos mais sublimes tons...

Eu queria voltar no tempo
Só para sentir
Tudo outra vez.

O que espero do futuro
Tocar o meu sorriso
Em outro olhar
Quando esta mesma canção tocar novamente
Em outro lugar.

Quem beija a alma
Não esquece
Quem toca a luz
Não mais se contenta
Somente com a matéria.

Tânia Gorodniuk





Nenhum comentário:

Me apaixonei quando voei...

Me apaixonei quando libertei minhas asas e voei... A vida é puro vento Sentimento que sopra Emoção que abre a porta e nos faz. Pai...