quinta-feira, 5 de junho de 2014

Terraço Itália



Terraço Itália, um show à parte!

Me faltam palavras para descrever o que senti
Ao tocar o céu
Um sonho antigo que se realizou.

Mas não acabou ao sentir
Se intensificou ao descobrir
Uma história de amor.

Um imigrante italiano que chegou por aqui em 1948
Evaristo Comolatti fundador do Grupo Comolatti
Conta-se que ao visitar as obras do Edifício Itália se encantou
A visão da cidade no topo era magnífica
Resolveu então presentear a cidade com um Restaurante
Uma exigência sua era que todos pudessem experimentar
Esta linda visão da cidade
Até hoje é aberto aos visitantes para subir ao quadragésimo primeiro andar
E sonhar lá de cima
Olhando o mundo.

Não é preciso dizer
Que este foi um presente para mim
Conhecer a história de um ser mágico
Que ousou sonhar
E mais ainda
Teve a coragem de realizar um desejo seu
Que hoje é a felicidade de muitos.

Quantos suspiros são deixados no topo deste prédio?
Quantos sonhos são embalados pela visão desta janela?
Quantos amores não floresceram a partir desta paisagem?

Hoje eu posso dizer
O Terraço Itália é a janela do coração
Lá a gente conduz o corpo
Para sentir no alto
A alma vibrar
Lá à muitos metros de altura
O coração suspira, fala
E o corpo sorri pela magia
De um sonho
De alguém que fez
Um gesto de amor.

Deixo aqui o meu obrigado
Por ter a honra de presenciar nesta vida
Algo especial, divino.

A gente às vezes procura anjos no céu
Quando eles na verdade passam por aqui
Tocam e deixam em sua trajetória um amor tão forte
Que quando partem
Este amor vive em tudo o que ele deixou.

Parabéns à família Comolatti!

Não percam a oportunidade de conhecer de perto
Um pedaço do céu
http://www.terracoitalia.com.br/




Tânia Gorodniuk


domingo, 1 de junho de 2014

Quem beija a alma não esquece...



Eu não pedi pra sentir
Eu senti sem querer
Eu amei sem saber o que
Eu toquei outra alma
Em algum lugar
Eu senti o amor em outra dimensão.

Eu vibrei
Quando toquei o céu
Sem sair do lugar
Eu voei em meu olhar.

Muitos não entenderão
A canção que amor tocou
A emoção que o corpo experimentou
Quando no ar
O amor se fez.

Coisas de um coração
História de uma alma
Solitária canção
Nos acordes dos sentidos
Nos mais sublimes tons...

Eu queria voltar no tempo
Só para sentir
Tudo outra vez.

O que espero do futuro
Tocar o meu sorriso
Em outro olhar
Quando esta mesma canção tocar novamente
Em outro lugar.

Quem beija a alma
Não esquece
Quem toca a luz
Não mais se contenta
Somente com a matéria.

Tânia Gorodniuk





Pare, escute o teu coração e siga...

Às vezes é preciso silenciar por dentro Para ouvir ao fundo um sentimento. Pare Escute o teu coração  E siga na emoção. Vi...