terça-feira, 24 de abril de 2012

Ribeirão Preto minha eterna paixão



Fui passear...
Precisava sentir o coração falar
Fechei os olhos
E na imaginação voei para Ribeirão Preto
Cheguei
Coloquei meus pés no chão
E fui andar.
Caminhar pela Avenida Dr. Francisco Junqueira
É sentir o céu perto da gente.
Tantas árvores floridas
Tanto verde
Tanta vida...
Cheguei ao Parque Curupira
Entrei
Senti o barulho da água
Ouvi o canto dos pássaros
Que oásis!
Sentei-me num pequeno tronco
E me perdi no olhar
Quando vi
Já haviam passado três horas
Que ali fiquei paralisada tamanha beleza
Flutuei na magia e sonhei de olhos abertos.
Avenida 9 de Julho
Que visão
Um canteiro central onde é possível caminhar
As árvores com flores amarelas dão o toque especial.
Senti-me passando por um portal rumo à felicidade.
Parque Roberto de Mello Genaro
Lá do alto
Na entrada do parque avisto a paisagem
Que maravilha
Ver aos seus pés a magia da natureza
Um primor de detalhes
Pedras rochosas nas paredes
Um vale encantado
Pequeno no tamanho
Mas imenso na beleza.
Avenida Presidente Vargas
Nos primeiros metros
Uma surpresa
Meu coração sentiu algo diferente
Parei olhei para a sua extensão e viajei na imaginação
Guardo no peito uma sensação divina.
Caminhando pela Avenida Prof. João Fiúsa
Cada esquina uma emoção
Que ar é este que paira sobre Ribeirão?
Já na Avenida Wladimir Meirelles Ferreira começo a perceber um som
Águas correndo
Que sensação
Parei na entrada e senti o coração pular
Foi como entrar num mundo de sonhos
Patinhos no lago
Flores belíssimas
Um jardim lindo
Mais uma vez a intuição me fez suspirar
E voei para encontrar a alma
Que resolveu voar.
Agora a parte mágica
Precisava encontrar um lugar especial
Rumo a Avenida José Adolfo Bianco Molina
Que avenida
Avistei uma praça maravilhosa
Um cantinho para relaxar
Atrás do Ribeirão Shopping
Na Rua do Bosque
Eu achei!
O meu lugar encantado
Meu bosque escondido como o chamo carinhosamente.
Que vibração
Não foi à toa que todos os meus passos me levaram para lá
Lá deixei meu coração
Lá perdi a fala e a respiração
Lá encontrei a vida em outra dimensão.
Um lugar sereno e tranquilo
Um pedaço do paraíso na terra
Meu querido Bosque.
Agora o tão esperado Zoológico da cidade
Quem diria que uma estreita rua pequenina
Levar-me-ia ao mundo espiritual.
Quanto verde
Quanta vida
Quantos sons
Muitos animais
Que alegria a cada passo
Uma visão surpreendia meus olhos.
Na entrada do Jardim Japonês
Meus olhos choraram
Um encanto
Toda a diversidade da natureza
Num lindo jardim
Peixes alegravam o lago
No final do caminho o Mirante da cidade
Que vista
Que paisagem!
Lá eu tive o prazer de me conectar ao mundo espiritual
Um presente divino que meu coração ganhou.
Para encerrar o passeio
Avenida Jerônimo Gonçalves
Para mim a entrada da cidade devido a Rodoviária
Agora reformada que avenida maravilhosa
Um cartão postal!
Parque Ecológico Maurílio Biagi
Um lugar mais amplo
Lindo para caminhadas e pedaladas
Cada cantinho um sonho
Dividido em pequenos espaços
Diversifica os gostos.
Minha viagem termina
Mas em meu ser
Algo mudou
Depois que eu conheci passo a passo
Com meus pés
Ribeirão Preto
Um encanto de cidade
Com uma enorme espiritualidade
Um lugar igual
Eu nunca vi
E muito menos senti.
Valeu a vida
Só por estes momentos
Que ficaram gravados na memória
E fizeram história em meu ser.
Ribeirão não tem mais jeito
Amo você!
Cada rua
Cada esquina
Cada praça
Cada parque
Há um pedaço de mim
E dentro do meu coração
Só há espaço para você
Cidade divina
Encanto de luz
Que no olhar vibra o corpo
E no sentir toca a alma.
Parabéns por mais um ano
Parabéns por sua história
Parabéns pelo povo
Que nutre o amor
Que paira no ar.

Tânia Gorodniuk






Nenhum comentário:

A vida por trás de um sorriso...

Quando a gente vê um sorriso Não imagina Como ele se formou De onde veio Como nasceu. Nada nasce pronto Perfeito Iluminado ...