sábado, 25 de dezembro de 2010

Mantenha os braços abertos



Às vezes o coração endurece
Por uma indiferença
Por uma dor
Por uma ausência
De luz.

Mantenha os braços abertos
Para agarrar o que vier
Nem sempre vem da forma que gostaríamos
E nem sempre a gente sabe
Qual é a melhor maneira.

Mantenha os braços abertos
Para receber o que o universo quiser lhe dar.

Mantenha os braços abertos
Para a vida
Para o amor.

Entre um tombo e uma dor
Há esperança
Há aprendizado
Há algo maior.

Mantenha os braços abertos
Para que este dia lhe traga
O que o seu coração precisa para sorrir.



Tânia Gorodniuk






segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Segure a minha mão



Não somos ninguém sozinhos
Precisamos de uma mão amiga
Um abraço apertado
Um beijo carinhoso.

Enfim de alguém
Para dividir as experiências
Compartilhar as risadas
Entender as tristezas
Contar as alegrias
Ter o outro
Para compartilhar a emoção.

Segure a minha mão
Sempre que precisar
Ela é o apoio certeiro
O afago perfeito
Que te faz descansar.

Um amigo é aquele que te olha nos olhos,
Vê o fundo de sua alma
E entende o seu coração
Não questiona,
Não pergunta,
Simplesmente abraça e conforta.


Tânia Gorodniuk




sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

O silêncio reina para a emoção agir



"Não é o que você juntou, mas sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida."
(Autor Desconhecido)



Não adianta querer mudar
Não adianta querer ser o que não é.

Devemos fazer do tempo puro movimento.

Criar uma ação
Gerar uma transformação
Fazer realmente algo acontecer
O mundo girar...

Acreditar na voz do coração
Prender a razão por um momento
Para sentir
Para sorrir ou para chorar
Para deixar o corpo vibrar
Para virar a página
Do livro da vida e seguir
Rumo a uma nova direção.

Nem sempre a gente quer machucar
Mas sem querer
Não somos entendidos
Nem compreendidos
Sentimento não se codifica
Sentimento
Como diz o nome
Se sente
Com o corpo
Com a alma
Com a mente
Com o coração
Não há palavras
Somente emoção.

Guarde na memória apenas os sentidos
O corpo fala a língua do sentimento
Enquanto o silêncio reina
Para a emoção agir.


Tânia Gorodniuk





Um sentir, um fluir, um querer ter o que por dentro vibra...

Eu sei que você sabe Eu sei que você sente Quando os pensamentos conectam O que há no coração Quando nossas almas vibram Na mesma di...