domingo, 31 de maio de 2009

Não nascemos para sermos sozinhos


Desde que nascemos aprendemos a viver em comunidade, seja familiar, social ou profissional. Quando acontece algum fato que nos separa desta vivência nos sentimos perdidos e isolados. Seja a perda de um emprego, seja motivo de saúde, seja uma separação familiar ou mesmo de amizade, enfim causas repentinas que nos deslocam de nossa rotina.

Temos de entender que há momentos de reflexão ao qual se faz necessário um isolamento, pois só assim seremos capazes de refletir as causas e entender as razões. As mudanças ocorrem para impulsionar o nosso passo a frente. As ações não acontecem com mais frequência na alegria, mas na incerteza, no medo, na dúvida, estes sim ajudam para que a nossa decisão aconteça rapidamente.

Quando o relacionamento acaba é porque simplesmente não há mais o que fazer para gerar ações benéficas aos dois lados.

Tudo o que acontece na nossa vida há um aprendizado, basta olhar, refletir e entender as entrelinhas do ocorrido. É claro que no momento estamos tristes e muitas vezes não conseguimos enxergar nada além da nossa dor. Quando o tempo passa e nos ajuda a cicatrizar a ferida conseguimos ver e entender melhor os porques.

Se entendermos que a nossa vida se divide em etapas, poderemos compreender que as fases fazem parte de uma longa caminhada na busca de nossa sabedoria.

Olhando para trás vejo minha vida como um filme e acredito que não mudaria nada do que passou. Tudo o que vivi me tornou a pessoa que sou hoje e fico feliz com quem sou. Quero me aprimorar mais e mais e tento entender as dores como lições que estou a aprender.

Nada é fácil, mas passa. São momentos onde aprendemos a nos conhecer e desta experiência podemos viver com melhor qualidade e consciência.

Chore, grite, mas tenha a certeza que o amanhã será melhor se assim você quiser.

Tudo o que eu enalteço cresce em mim, então enalteça a alegria, a felicidade e não a dor e o sofrimento.



Tânia Gorodniuk




Um comentário:

rock faz bem pra alma! disse...

É isso aí amiga...
arriba ,arriba,rsrs..
só pensamentos e energias positivas!!!
o resto vem com o tempo,na hora certa..

O que é correto?

O que é correto? Correto é respeitar as normas vigentes. Correto é respeitar o outro em todos os aspectos, gostos, religião...